Comida para gatos: saiba tudo

/
0 Comentários
alimentoDar comida para gatos não é tão simples como se pode imaginar. Quem tem algum bichano sabe muito bem disso. Nem todo alimento é recomendado para dar para nossos amiguinhos, mesmo que eles parecem apreciar muito. Por isso o Dicas Felinas elaborou esse super guia para você saber tudo quanto a alimentação dos gatos.

Ainda que gere muita discussão, é sempre bom ouvir os especialistas em nutrologia dos felinos. E eles sugerem que a alimentação de humanos em gatos deve ser evitada a todo custo.


Filhotes

Filhotes não comem a mesma ração de adultos. Isso precisa ficar claro, pois não é apenas pelo diferencial dos nutritivos, mas pelo tamanho. A ração para adultos é maior e mais dura, o que pode machucar a boca dos gatinhos, e até mesmo afogá-los. 

Uma forma de facilitar a ingestão das rações é triturá-las, ou amolecê-las no leite morno (opção muito mais fácil). Verifique sempre os dados e valores nutricionais na embalagem, a ração para filhotes precisa ter mais cálcio e calorias para garantir um crescimento saudável.

ração felina

Nunca faça isso

Existem alguns donos que não pesquisam antes de alimentar o gato. Você estando aqui prova que não é assim! Muito bem, veja esses erros muito comuns que algumas pessoas cometem, e evite-os.

ração de gatos


Evitar

Muitas pessoas cometem o erro de dar qualquer tipo de comida humana para eles. Isso é extremamente perigoso. Diferente de nós humanos, o gato é intrinsecamente carnívoro, ou seja, sua dieta precisa ser baseada em proteína. Outros alimentos podem causar doenças terríveis nos bichinhos. Veja uma lista de alimentos para se evitar.

Gordura animal
Extremamente calórica, a gordura além de causar obesidade em qualquer um, ela pode acometer o gato com doenças como pancreatite e a um distúrbio gastrointestinal.

Pão
Aqui é um exemplo de alimento rico em carboidratos. Mas poderia ser outra coisa, como arroz. Como já foi mencionado, apenas a proteína é necessária para eles. O carboidrato (que já não é recomendado em excesso aos humanos) pode deixar o gato obeso, portanto deve ser excluído de sua dieta.

Cebola e alho
Dar esses alimentos para um gato é extremamente perigoso, devido a uma substância chamada dissulfeto de alipropila, além de alicina, que afetam os glóbulos vermelhos, desintegrando-os, e causando anemia.

Leite
Às vezes associam os gatos ao leite, devido sua fase de filhote. Porém alimentá-los com leite depois dos 45 dias de vida pode causar diarreia e vômitos. A enzima que digere a lactose (lactase) se torna inativa depois dessa idade. Além de tudo, o cálcio pode formar pedras dos rins dos bichanos.

Café
Bebida apreciada pela maioria de seres humanos deve ser mantida longe dos gatos (e cachorros). Há um grande risco de que os animais sofram taquicardia depois de ingerir a bebida.

Como agradar o bicho

Você pode ficar com pena do seu gato por ele ter à disposição apenas uma variedade pequena de rações, enquanto nós temos uma infinidade de alimentos. Mas saiba que de vez em quando você pode sim agradar seu amiguinho com outros tipos de alimentos que são inofensíveis. Veja alguns deles:

Iogurte
Apesar do leite ser perigoso, o iogurte ajuda no intestino do animal, devido suas propriedades probióticas. Mas atenção, é só como um agrado! Fazer disso uma rotina pode acabar prejudicando a saúde dele.

Atum
Todo mundo sabe que gatos amam atum. Para que o bichinho não se enjoe sempre do sabor artificial do atum na ração, dê a ele uma vez por outra, mas sem exagerar, como já foi avisado.

O ideal aqui seria usar esses agrados para fazer um reforço positivo, assim além de alimentá-los com essas coisas que eles adoram, você estará adestrando seu gato.



Você também vai gostar de ler:



Você também irá gostar

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.